terça-feira

Quiche de quinoa e iogurte


Nessa minha fase sem glúten, além de eu estar me sentindo infinitamente melhor, tenho me achado bem nojentinha para comer. Não suporto mais tomate cru, alho-poró e a carne vermelha, que antes eu evitava, agora me faz mal de fato. Mas acho que eu tenho me virado muito bem: sinto menos fome, mais disposição, durmo melhor, nunca mais tive cãibras e a barriga sumiu. Não tenho me pesado, até por que eu não quero que isso vire um tormento, mas minhas roupas estão visivelmente folgadas.

Fazem muitos dias que eu venho comendo basicamente legumes, verduras e arroz integral. Hoje eu quis me fazer um agrado e saiu essa quiche, leve e muito saborosa.

Ingredientes:

1 ovo
1 xícara de farinha de arroz
1 xícara de quinoa em flocos
1 colher de linhaça
2 colheres de manteiga
3 colheres de água gelada
sal

fatias de abobrinha
tiras de pimentão vermelho  
2 colheres de iogurte desnatado
2 ovos
queijo parmesão ralado
sal e pimenta do reino

  • Em uma tigela, misture todos os ingredientes da massa, exceto a água. 
  • Coloque a água aos poucos, só até a massa ficar homogênea
  • Embrulhe em plastico filme e leve à geladeira por pelo menos quinze minutos
  • Passado o tempo de descanso, acomode a massa em forma de aro removível (eu usei mini forminhas)
  • Alterne a abobrinha e o pimentão
  • Misture o ovo e o iogurte, tempere com o sal e a pimenta e cubra as quiches
  • Coloque parmesão à gosto e asse, em forno médio, por 30 minutos ou até firmar o recheio

3 comentários:

Danni e Lype 21.2.12  

Oi Lú,
Nossa!!! Adorei!!! Parece delicioso e o mais importante bem saudável. O meu filho está fazendo reeducação alimentar e eu vou fazer com certeza...
Obrigada, querida.
Grande beijo, Irene

Carla 22.2.12  

Lu,
Adorei esta tarte, mas fiquei com uma dúvida: a quinoa é cozida previamente?
Beijinhos

Lu 22.2.12  

Não, a quinoa em flocos não precisa ser cozida, Carla.
Beijo

Seguidores





Voltar ao TOPO.

  Para reproduzir texto, imagem ou qualquer outra criação intelectual de Laptop na Cozinha, é necessária

  autorização prévia, que deve ser solicitada pelo e-mail. Não basta citar a fonte ou dar créditos.


  © 2010-2012 Laptop na Cozinha. Todos os direitos reservados.